Donald Trump chama livro do jornalista Bob Woodward de ‘fraude’

O presidente americano, Donald Trump, chamou hoje de “fraude” o livro do jornalista investigativo Bob Woodward sobre sua presidência. Ele disse que o conteúdo do livro é inventado.

“O livro de Woodward é uma fraude. Eu não falo da forma que sou citado. Se esse fosse o caso, não teria sido eleito presidente”, escreveu o presidente em um tuíte, de Montana, onde se encontra. “O autor usa em seu livro todas as artimanhas possíveis para degradar e depreciar. Gostaria que as pessoas pudessem ver a realidade”, completou.

O livro do célebre jornalista americano descreve Trump como um homem inculto, colérico, imprevisível e incapaz, cujos funcionários se esforçam para controlar e evitar suas subidas de tom.

Em Fear: Trump in the White House (Medo: Trump na Casa Branca), Woodward descreve, por exemplo, a frustração recorrente do chefe de gabinete, John Kelly, tradicionalmente o homem mais próximo do presidente na Ala Oeste.

Em uma reunião entre um círculo reduzido, Kelly teria dito sobre Trump: “É um idiota. É inútil tentar convencê-lo de qualquer coisa. nem sei o que estou fazendo aqui. Este é o pior trabalho que já tive”.

Em uma breve reação, Kelly garantiu que nunca chamou o presidente de “idiota” e reafirmou seu compromisso.

Junto com Carl Bernstein, Woodward revelou o escândalo do Watergate, que levou à renúncia do presidente Richard Nixon.

Agências Internacionais de Notícias