Lewis Hamilton vence GP da França e recupera liderança do Mundial de F-1

Lewis Hamilton só precisou de uma corrida para retomar a liderança da Fórmula 1. No retorno do GP da França ao calendário da categoria, o inglês venceu de ponta a ponta no Circuito de Paul Ricard, na cidade de Le Castellet, neste domingo, sem dar chance para os rivais. O tetracampeão mundial, que havia perdido a ponta na etapa passada, desbancou o alemão Sebastian Vettel e reassumiu a ponta do campeonato.

Em uma prova morna, sem maiores incidentes e disputas acirradas, o piloto da Mercedes largou na pole position e não foi ameaçado nem quando deixou a pista para trocar os pneus. Com facilidade, faturou a terceira vitória do ano e chegou aos 145 pontos, superando Vettel, agora com 131.

O alemão da Ferrari teve chance de impedir o sucesso de Hamilton ao largar em terceiro. Mas uma batida no finlandês Valtteri Bottas logo na largada o forçou a fazer uma corrida de recuperação. E o quinto lugar não foi o suficiente para frear Hamilton na classificação da temporada.

Seu companheiro de Ferrari, o finlandês Kimi Raikkonen se saiu melhor, principalmente na segunda metade da prova. Com boas ultrapassagens, ele cruzou a linha de chegada em terceiro e completou um pódio que também teve o holandês Max Verstappen, da Red Bull, em segundo.

Com o resultado, Hamilton alcançou a sua 65ª vitória na carreira, sendo a primeira na França. Não por acaso. A prova deste domingo marcou o retorno do GP francês e também do circuito de Paul Ricard à Fórmula 1. A categoria não realizava uma corrida no país desde 2008, quando Felipe Massa venceu em Magny-Cours. Paul Ricard, por sua vez, não sedia uma prova desde 1990, quando o local Alain Prost venceu e Ayrton Senna foi o terceiro colocado.

Pilotos e equipe voltam à pista já no próximo fim de semana. A nona etapa da temporada 2018 da Fórmula 1 será disputada em Spielberg, na Áustria.

O Dia