RS: Sete pessoas são mortas a tiros durante chacina

Sete pessoas foram mortas aproximadamente no mesmo horário em três pontos localizados em um raio de 50 metros, no município de Viamão, na Região Metropolitana de Porto Alegre, na noite de segunda-feira (18). As vítimas são quatro mulheres e três homens, todos mortos a tiros, no bairro Parque Jari. Não há feridos.

De acordo com a Brigada Militar, os autores da chacina se dividiram e executaram as vítimas pouco antes da 0h.

“Os três crimes ocorreram num raio de 50 metros um do outro, então, inicialmente, mataram um olheiro, como a gente chama, um rapaz que fica observando a movimentação, eliminaram aquele primeiro alvo e depois invadiram as outras duas casas”, destaca o subcomandante do 18º Batalhão de Polícia Militar de Viamão, capitão Vinicius de Aguiar Aires.

A primeira das sete vítimas foi morta na Rua Araranguá, e identificada como Cláudio Roberto Gonçalves, de 38 anos. Em seguida, três foram executadas na Rua Guarapari: Douglas da Costa Orguin, de 19 anos, que estava no pátio de uma casa, além de Greice Kelly da Mota Jorge, de 28 anos, e Stefânia Carvalho da Silva, de 20 anos, que estavam no interior da residência.

Outras três pessoas foram mortas na Rua Professor de Freitas Cabral, e duas delas foram identificadas: Graziela da Silva Santos e Frank Bruno, ambos sem idade confirmada. A polícia ainda apura qual a relação entre as vítimas.

Segundo as autoridades, três dos mortos não tinham antecedentes criminais. Uma das mulheres mortas usava uma tornozeleira eletrônica.

G1